Início » NOTÍCIAS » Profissionais de saúde suspendem greve em Moçambique

Profissionais de saúde suspendem greve em Moçambique

Associação dos Profissionais de Saúde de Moçambique decide suspender a greve por 15 dias para dialogar com o Governo e “não prejudicar a população”.

A Associação dos Profissionais de Saúde de Moçambique anunciou neste domingo (04.06) a suspensão da greve iniciada na quinta-feira passada, decorrendo negociações com o Governo sobre as reivindicações da classe, anunciou o presidente da organização.

“Chegámos a consenso para não prejudicar a população, suspendemos a greve por 15 dias e continuamos a dialogar”, referiu Anselmo Muchave, em conferência de imprensa.

As discussões envolvem condições de trabalho e níveis de remuneração dos profissionais.

A associação queixa-se de falta de luvas e soro entre outros materiais nas unidades de saúde, além de contestar a Tabela Salarial Única (TSU).

Ameaças e intimidações

Na semana passada, durante conferência de imprensa, a associação denunciou as ameaças e intimidações que alguns profissionais que aderiram à greve vinham sofrendo. Ao mesmo tempo, disse estar a receber o apoio de boa parte da população que também espera melhorias no setor.

No final do último ano, outra organização, a Associação Médica de Moçambique (AMM), realizou uma greve de 19 dias em protesto contra a TSU, alcançando acordos com o Governo nalguns pontos do caderno reivindicativo.

fonte: dw.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *