Início » NOTÍCIAS » “A HIPOCRISIA DESTRÓI A AUTORIDADE DO LÍDER E LEVA A MANIPULAÇÃO DAS PESSOAS” – considera o Cardeal Tagle

“A HIPOCRISIA DESTRÓI A AUTORIDADE DO LÍDER E LEVA A MANIPULAÇÃO DAS PESSOAS” – considera o Cardeal Tagle

Rogério Maduca, Beira – Moçambique

O cardeal Luís António Tagle, Pró-prefeito do Dicastério para a Evangelização, falava no domingo (28/01), na cidade de Nampula (Norte de Moçambique), durante a celebração eucarística da Sagração Episcopal de Dom Osório Citora Afonso, Missionário da Consolata nomeado Bispo Auxiliar de Maputo. A missa da qual participaram autoridades civis locais, religiosos, religiosas e fiéis da Arquidiocese de Nampula e outras dioceses, concelebraram os Arcebispos e Bispos da Conferência Episcopal de Moçambique (CEM), o Encarregado dos Negócios da Nunciatura, o Superior Geral dos Missionários da Consolata e vários sacerdotes.

Com o intuito de explicar a autoridade de Jesus apresentada pela liturgia do dia, caraterística esta que foi questionada por não estar patente nos escribas, o Purpurado recordou que estes tal como os fariseus, perdem sua autoridade devido a hipocrisia e acrescenta que o demónio da hipocrisia destrói a autoridade, leva a manipulação das pessoas e a negligência dos pobres.

Na continuidade da sua homilia, o Presidente da celebração pediu humildade ao mais novo membro do Episcopado moçambicano, pois o demónio oferece coisas atraentes e no fim destrói o ministério.

No final da celebração, Dom Inácio Saure, Arcebispo de Nampula e Presidente da CEM, manifestou em nome dos Bispos a intenção de caminhar juntos com o recém-ordenado, tendo em vista o alcance da sinodalidade eclesial, apoiando de forma incondicional.

Na sua intervenção, o Superior Geral dos Missionários da Consolata, Padre James Bhola Lengarin, recordou ao Dom Osório que o episcopado não é um poder que visa valorizar a careira, mas um serviço para o crescimento de todos.

Para o Governador de Nampula, Manuel Rodrigues, a sagração episcopal de Dom Osório, justifica o compromisso permanente que a Igreja ensina para a promoção da igualdade social.

Por seu turno, o recém-ordenado bispo, Dom Osório agradeceu à Deus pela vocação, pelo acompanhamento e sustento com a força de espírito e a todos de maneira geral.

Refira-se que Dom Osório Citora Afonso, foi ordenado sacerdote em novembro de 2002 e nos últimos anos trabalhou no Dicastério para Evangelização, secção para primeira evangelização e as novas Igrejas particulares, no Vaticano. 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *